Como ser feliz sozinha - sim, é possível!

01 agosto

Você já foi a um restaurante para comer sozinha? Já saiu para se divertir sem ninguém e sentiu que todos estavam te julgando por não estar acompanhada? 

Você saber ser feliz sozinha, sem se importar com o julgamento alheio?

Uma coisa que aprendemos é que a felicidade é algo que vem de dentro, e não é exterior a nós. Precisamos encontrá-la na nossa vida, não em outra vida ou em outra pessoa.

No post de hoje vamos conversar sobre a importância de aproveitarmos a nossa própria companhia e de sermos felizes sozinhas. 

Vamos lá?

Qual é a sua vida dos sonhos?

Podemos encontrar felicidade quando estamos vivendo a vida que sempre sonhamos para nós. Quais os seus sonhos de criança, o que é aquilo que te enche os olhos? Qual o emprego que você gostaria de ter? Mas o mais importante: qual a pessoa que você gostaria de ser? Aquela que cuida da sua alimentação, que faz exercícios físicos, que viaja, que se dedica a família? 

Pense em qual é a sua vida dos sonhos e liste tudo aquilo que você pode começar a fazer hoje mesmo para chegar perto dessa vida que você tanto quer.

Por exemplo...

Se você quer ser uma pessoa que faz atividade física, então você pode começar a fazer 15 minutos de caminhada por dia ou qualquer outra atividade. Comece pequeno, mas comece.

Imponha limites

Se não colocarmos limites nas nossas vidas, vamos trabalhar muito mais do que deveríamos, vamos comer mais do que precisamos, vamos fazer mais atividade física do que nosso corpo aguenta, em síntese: tudo estará desiquilibrado! 

Coloque limites naquilo que você faz. Coloque limites nas pessoas ao seu redor. Você não vai conseguir fazer tudo o que te pedem toda hora, simplesmente porque você tem uma vida agitada! Não é porque você quer.

Coloque limites aos seus hábitos. Ficar 3 horas direto no celular não é saudável. Ponto. Estabeleça o limite de não usar o celular antes de dormir para não atrapalhar seu sono.

Impor limites é necessário e precisa virar um hábito.

Encontre tempo para fazer o que ama

A vida passa rápido, é verdade. Por isso, não podemos deixá-la passar sem aproveitarmos os momentos para fazer aquilo que amamos. Esses momentos de dedicação para nossos hobbies é um momento de autocuidado, de descobrimento dos nossos valores e da vida que queremos ter.

Se você não sabe por onde começar, comece devagar. Tire 20 minutos por dia para fazer alguma coisa que você acha que pode virar um hobbie, se você não gostar, tente outra atividade no dia seguinte. Faça isso até achar seu hobbie e o tempo ideal para se dedicar a ele.

Hobbies que podem te interessar:

- Aprender um idioma 

- Maratonar filmes clássicos

- Aprender a tocar um instrumento

- Dançar

- Escrever contos/livros

- Cozinhar

Seja autêntica

Não podemos nos esconder atrás de outras pessoas. Precisamos ser autênticas. Precisamos ser verdadeiras com as pessoas e com a gente. Ou seja, você precisa assumir o controle da sua vida e tomar decisões conscientes no cotidiano. 

Precisamos parar de depender dos outros para tomar decisões que só vão nos afetar. 

Comece aos poucos. Decida o look que você quer usar baseado naquilo que você gosta, não na moda. Escolha os lugares que você quer frequentar, dê sua opinião. 

Em palavras resumidas, seja você mesma. De verdade.

Romantize sua vida (aprecie pequenas coisas)

A internet só falava disso há um tempo atrás, mas quero dizer de uma forma diferente. Romantizar a vida, para mim, é apreciar os pequenos detalhes do nosso dia, é estar presente, é fazer algo que encha nosso coração de alegria e que faça o dia valer a pena. 

Por exemplo, ouvir jazz e tomar vinho é romantizar a minha vida, porque são duas coisas que eu gosto e que me fazem apreciar o momento presente.

Ler fora de casa, na natureza, também é uma forma de romantizar minha vida.

Faça coisas que você goste e que te ajude a ver o quão bela a vida pode ser.

Pratique autocuidado

Cuidar de nós aumenta nossa autoestima, e uma vida com mais autoestima significa uma vida mais feliz! A sensação de estarmos nos cuidando é inexplicável. 

E quanto mais cuidamos do nosso corpo e da nossa mente, mais qualidade de vida teremos, e isso significa em mais felicidade também. Então comece a se cuidar.

Você pode gostar de ler: formas de praticar o autocuidado 

Encontre seu propósito

Passamos a vida inteira atrás do motivos para estarmos aqui nesse planeta e nesse tempo, será que um dia saberemos a resposta? De verdade, isso não importa. O segredo da existência está muito bem guardado.

Mas o que sim, importa, é o motivo pelo qual escolhemos viver todos os dias. Descubra aquilo que faz seu coração bater mais forte. É uma carreira formidável? É uma família? É viajar? 

Encontre seu propósito de vida e seja feliz.

Claro, você pode ter vários propósitos e mudar de ideia depois de um tempo, nada é imutável. Mas você precisa saber qual o seu propósito hoje.

Cuide da sua saúde

Eu bato sempre nessa tecla e muitas já devem estar cansadas de mim falando sobre saúde. Mas é verdade. Precisamos cuidar do nosso corpo físico (que vai nos ajudar a conquistar nossa felicidade) e da nossa mente (que sustenta nossa felicidade).

Sem nosso corpo físico saudável, seremos impedidas de fazer muitas coisas que poderiam nos trazer felicidade.

E sem a nossa mente saudável, seremos impedidas de enxergar a felicidade.

Então, faça atividades físicas, coma saudável, faça terapia! Faça qualquer coisa que te traga mais saúde.

O post acaba por aqui. Obrigada por ler e nos vemos na próxima!

Com carinho, Clara.

You Might Also Like

0 comentários

Tecnologia do Blogger.